domingo, 21 de junho de 2009

Saudade das possibilidades

Domingo de sol.
Meu namorado viajando.
Minha filha com a avó.
Meu trabalho acabou 4 horas antes do previsto.
Não sei o que fazer.
Nessas horas, a saudade de São Paulo toma proporções indescritíveis.

3 comentários:

Belenâmbulo disse...

Vai belenambular!
Tira umas fotos legais e manda pra mim, que eu as publicarei com prazer (e os devidos créditos, é claro!)

Abraço

mlettis disse...

aproveita pra fazer um relax e/ou liga pra nós!!! hahaha

Anônimo disse...

Bem feito! Quem manda não ligar para os amigos, ou será que eles ficaram em São Paulo?

Tem um mundão de gente (eu, na cabeça da cobrinha) que adoraria e carece de te curtir, na rua, na praça, na beira do rio, para rir, chorar, falar merda, miolo de pote, ou, até nem falar.

Foi num samba, de gente bamba, que te conheci faceira, mas deixa prá lá, afinal, foi em São Paulo.

Olha, pequena. Te manca, se não eu te deserdo.

Um beijo na Dalila,

Teu pai postiço,