quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

Depende de quem é o corrupto...

Corrupção é corrupção. Crime é crime.
Não importa quem cometeu.
Pau no safado.

Na teoria é assim. Na prática, não.
Pelo menos não para a imprensa brasileira.

Quando a corrupção vem do governo do PT e de seus aliados, toma-te pau.
Mas agora, que o jornalista Amaury Ribeiro colocou a boca no trombone com o livro Privataria Tucana, a grande imprensa passou dias fazendo de conta que nada viu/soube/escutou e quando decidiu noticiar, o destaque é para a defesa dos acusados:

"Tucanos se manifestam contra livro que aponta esquema fraudulento em privatizações"

Ê Braseeeel!

2 comentários:

Anônimo disse...

Não acho que isso é por razão partidária. Afinal, o livro "O Chefe", do Ivo Patarra, que fala coisas pesadas sobre a corrupção no governo Lula também foi solenemente ignorado pela impresa, mais até do que o Privataria.

Augusto Cezar Hollanda disse...

é hein??? para o anonimo ai de cima...