sábado, 15 de novembro de 2008

A culpa é de quem?

Se o mundo está de cabeça para baixo, todo errado, o que está certo?
A tua cabeça?
Provavelmente...
Eu duvido que sejas capaz de admitir que pelo menos 50% dos teus problemas são culpa tua.
.
.
.
.
.
.
.
Não foste, né?
Poucos são.
O MUNDO está errado.
NÓS nunca estamos.
É sempre assim.

Não são os políticos que estão mais corruptos. Tu que ajudas a aumentar a corrupção do país, fazendo gato na net, burlando IR, dando o jeitinho brasileiro.

Não é a violência que aumentou. Tu que passaste a consumir mais droga ou passaste a ser mais tolerante com os coleguinhas que consomem, com o discurso "Ah, deixa o cara. Não mexendo comigo...". Mas ele mexe! Alimenta o tráfico e movimenta a roda-gigante da violência.

Não é a TV que está uma merda. Tu estás dando mais audiência pra ela e os diretores de programação não se sentem com nenhuma obrigação de mudar nada!

O tempo está passando e talvez tu não percebas que teu egoísmo aumenta na mesma proporção que as tuas rugas e as tuas experiências.
Pára um pouco e enxerga o MUNDO!
Não esse que está pior.
Enxerga o MUNDO que pode ser melhor, se tiveres o mínimo de noção de que parte das escrotices dele é culpa tua. Tanto quanto minha, do teu vizinho e do FDP que avança o semáforo vermelho.

É sexta-feira à noite e eu estou só em casa. Porque a culpa é minha!

5 comentários:

Eu mesma disse...

oh,dó...não apenas culpa tua, também da distância... se a gente estivesse perto, de certo não estarias nem sozinha, nem em casa...rsrsrs

Marília Salles disse...

É isto aí, se existe algo errado, somos nós que estamos construindo este algo errado. Se olharmos bem ao nosso redor o controle está para quem quiser pegar, para quem não quer passar simplesmente na vida, mas também deixar sua marca. Agora se as pessoas preferem ficar de braços cruzados dizendo "Ah deixa!" as coisas tendem ir de mal a pior... Valeu!

Helaine Martins disse...

arrasô no texto, nêga!
certíssima... infelizmente!

Agora, quanto ao post do Obama, a visão apocalíptica não é minha não, é da Jessica!! Eu questiono justamente porque toda vez que o presidente é negro no filme, acontecem catástrofes. Porque quando é um branco, a auto-estima estadunidense só aumenta?

Eu fiquei feliz de verdade com a vitoria do Obama e isso só mostrou que cinema, babe, é realmente ficção. E acho que isso significa uma mudança pro bem, pra eles e pra gente. O problema é querer que ele seja o salvador da pátria, que nem fizeram com o Lula...

Luciane Fiuza disse...

Muito bom, Waleiska. Reproduzi lá no "Lu".
Bjs e bola para frente!
Lu.

P.S.: Aqueles posts engraçadíssimos da Dercy, que uma vez te falei, estão neste blog (é só baixar a rolagem):
http://canetasemfronteira.blogspot.com/

. disse...

Oi, Mari!!!
Pois é... Fazes falta. Muita falta. Sei que se algumas pessoas morassem em Belém eu NUNCA estaria só. E é por isso que todos os dias lembro de vocês com muita saudade!!!

Helaine, tá bom, sendo assim tu vais ganhar um prêmio, tá!!! A gente deixa!!!
Entendo perfeitamente o que falas sobre o Obama... Perfeitamente. Querem dele o que é impossível de ser feito.
Mas tu hás de ganhar alguma faixa!!
hehehhehehe

Marília, que prazer conhecer (mesmo que virtualmente!).
Vi que temos um monte de amigos em comum, inclusive, o teu professor, rsrsrs, que deve ser o Henry!
Que bom que gostaste deste espaço. Volte sempre por aqui.

E Lu, eu já tinha visto esses lances da Dercy, hahahahaha... muito bons de fato!
Valeu pela referência lá no teu blog!

beijões, mulheres bonitas!!!!