quinta-feira, 29 de abril de 2010

A diferença no tratamento

Se o Fernando Henrique Cardoso estivesse entre os 100 homens mais influentes do mundo, o UOL e outros grandes portais deixariam chamada enorma na página inicial por três dias.
Como o considerado foi o Lula, passa o olho na internet pra ver o resultado.
E vejamos bem a diferença. Ele não foi considerado um dos mais influentes. Foi considerado O MAIS INFLUENTE.


(pega-te, porra!!! er... sou morta de lulista e com muito orgulho!)

3 comentários:

Fhoutz disse...

POis é, eu reparei isso. Não conferi em vários jornais, mas pelo menos no Estadão não tinha uma linha na capa do jornal, que deu a manchete pra decisão do STJ sobre a lei da anistia. Deram a matéria no meio do jornal e mesmo assim sem nenhum destaque. Ridículo.

NTC disse...

Amo o barbudinho.

Beijos

Anônimo disse...

Já acho o seguinte:
o problema não é a UOL. O problema é que o PT não sabe valorizar os seus acontecimentos.
As coisas positivas do governo petista, tanto em Brasília, quanto por aqui, não são valorizadas e divulgadas como deveriam...
É o assessoramento que é falho!